domingo, novembro 21

Anne-Sophie Mutter



A cimeira da OTAN (NATO) chegou ao fim. Ao que dizem as notícias os resultados foram um sucesso. Só os protagonistas saberão, embora todos sejamos interessados. O povo de esquerda – os seus dirigentes - dão a entender, para público, não terem percebido que foi esta cimeira que colocou o ponto final na guerra fria. Imaginem, na cimeira de Lisboa! É a questão da guerra e da paz. Admito que, salvo algum caso anómalo, todos os dirigentes políticos, afinal aqueles que lidam com os poderes, estejam interessados na paz. Obama, certamente que sim. Se estão satisfeitos com o resultado final desta cimeira é um bom sinal. Portugal saiu a ganhar pois nem todos os dias se acolhe uma manifestação política desta dimensão. Nem todos os dias se ouvem, da boca de um presidente americano, palavras de sincero agradecimento pela excelência da organização e pela hospitalidade portuguesa. Detalhes!

5 comentários:

vai tudo abaixo disse...

Sim, como criados de mesa os portugueses são os melhores. O Durão Barroso, mestre de cerimónias nos Açores, já tinha provado isso mesmo. Razão tinha o Alberto João Jardim ao dizer que, fazer uma cimeira destas na capital do país, só de pacóvios. É o que os portugueses são, de facto, uns saloios.

Isabel Ramos disse...

Bem, o meu dicionário deve ter uma interpretação diferente de saloio e pacóvio! Mas o que gostamos mesmo é de desgraças e de nos mandarmos pra baixo e nunca de valorizar o que é bom! Mas ainda bem que somos livres e podemos expressar sem cerimónia o que nos vai na alma.

vai tudo abaixo disse...

Isabel Ramos,
Uma das características dos pacóvios é não perceberem o óbvio. E o óbvio é o Obama ter elogiado a organização portuguesa. Manda a etiqueta fazê-lo. Fá-lo em todas as cimeiras e em todos os países. Ou não será assim?
Resta acrescentar que, gastar 10 milhões numa cimeira da guerra quando dois milhões de portugueses vivem no limite da pobreza é, não são imoral, como saloio e provinciano. Não perceber isto é mesmo de pacóvio. Neste caso, de pacóvia.

Galeota disse...

Uma carreira cheia de êxitos.
Ainda bem que a Cimeira da OTAN correu sem problemas.Desejamos que as relações com a Rússia sejam reforçadas.

Anónimo disse...

Nunca me esqueci nem esquecerei, que em momentos muito difíceis da minha Vida, vocês apoiaram -me e mimaram -me como se fosse da vossa família. ´Já tive ocasião de lhe agradecer , mas todas as vezes são poucas, independentemente de todas as opções democráticas que tenha tomado ou venha a tomar. Quem Não Tem Memória Perde a Dignidade.



Galeota